Canção da Vida

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Ao despontar da nossa existência
O mundo parece ser um paraíso
As nossas almas cheia de inocência
Só tem de todos carinho e sorriso

Assim vivendo cheios de esperança
Sem um prenúncio de futuras dores
Passamos lindos tempos de criança
Qual borboletas brincando entre as flores

Passando a infância vem a juventude
E o coração desabrocha em flor
Na primavera da vida se ilude
Com os lindos sonhos de um primeiro amor

As nossas almas cantam apaixonadas
Canções de amor cheias de poesia
Idolatrando a pessoa amada
Com quem sonhamos ser feliz um dia

Mas ai de nós quando nos gela o peito
Galgando o último degrau da vida
Chorando as mágoas de um sonho desfeito
Curtindo a dor de uma ilusão perdida

Eu que pressinto que esta é minha sorte
Já desde agora me sinto feliz
Que eu possa ao menos com a minha morte
Dar alegria a quem não me quis


Autor(es): Berenice Azambuja / Deroi Marques

Las canciones más vistas de