Canção do Solitário

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Olho a chuva, a ventania
Vejo anoitecer
Chega a madrugada, quieta e fria

Meia lua, luz sombria
Sinto sem querer
O silêncio me envolver

Sem canto, sem sonho
Sem rosto, sem plano
Sem tristeza ou alegria
Só o amanhecer
E um vazio de doer

Só queria ter na vida
Onde me aquecer
Um lugar de abrigo e fantasia

Ter alguém pra companhia
Para me entender
Ter alguém por quem sofrer

Ouço ruído na estrada
Bem sei, não é nada
Ninguém pra chegar
Caminho, sem pressa
Levo em meu peito deserto
Uma esperança
Nada, sonho
Só o silêncio

Abro os olhos, vejo o dia
Tudo a florescer
Olho em volta cor e cantoria

Vejo o povo em travessia
Mas ninguém me vê
Volto, vou adormecer


Autor(es): Breno Ruiz / Cristina Saraiva

Las canciones más vistas de

Cristina Saraiva en Octubre