Canhão Seguidor

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Sinto muito
Eu fiz o que podia fazer
E você pode sim dizer
Que o tempo acabou
Eu faço mais do que macarrão
E não estou cansada
Essa é só a minuta, querida
Acabei de pegar a estrada

Nesse crepúsculo gelado
O velho, a morte e meu sonho intocado
Ironia de lágrimas que ilude o seu fim
Menina, junte as suas mãos
Como uma oração
Dê prazer ao seu chiclete
E abençoe o chão
Fausto quer que você ande na linha
E diz que é hora de você deixar
Seu canhão seguidor
Com a cor da sua dor
Seu canhão seguidor
Com a cor da sua dor

É nesse palco
Que você pode me beber
E eu me ensinei a ver
Que nossa lei é aparecer e crescer
Vozes que te dizem não
Palavras que machucam o coração
Você tenta me roubar, querido
Mas eu te dou minha canção

Nesse crepúsculo gelado
O velho, a morte e meu sonho intocado
Ironia de lágrimas que ilude o seu fim
Menina, junte as suas mãos
Como uma oração
Dê prazer ao seu chiclete
E abençoe o chão
Fausto quer que você ande na linha
E diz que é hora de você deixar
Seu canhão seguidor
Com a cor da sua dor
Seu canhão seguidor
Com a cor da sua dor