Canibal

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Ele comia carne humana
Saía nas ruas destruindo tudo
Batia nas senhoras de idade
É o alvo da futilidade

A cretinice desse homem é incrível
Ataca os homens como um míssil
Ele era o maior traficante do morro Pintassilgo
Não tinha jeito de ser, nem modo, animal

Ele era um canibal
Ele é um canibal
Que come carne humana
Como você chupa uma cana

Fugiu da Floresta Amazônica Venezuelana
O tal do Chávez o encontrava toda semana
Para acordo comercial com o Equador
Mas o canibal comeu o seu avô

Ele matou um gato
Estrangulou um urubu
Enforcou um cachorro
Amarrou a arara azul
Quebrou a perna do rato
Fugiu pro meio do mato
E pra terminar com um refrão
Eu canto esse refrão

Ele era um canibal
Ele é um canibal
Que come carne humana
Como você chupa uma cana


Autor(es): Guilherme Neykova

Las canciones más vistas de

Hangover en Octubre