Caprichos Desmedidos

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Dentro desse meu peito mora
Um coração triste que chora
Por não ter sido um pouco entendido
Um coração que quer ser diferente
Só ser amigo ser fiél e coerente
E não pretende morrer esquecido.

Esse coração triste é um poeta
Em meio a tempestade traçou sua meta
Pretende escrever um milhão de poesia
Seguir cantando em homenagem ao amor
E admirando a beleza de uma flor
Enaltecendo a amizade orando todo dia.

Esse coração triste tambem é teimoso
Ciumento ,mas por demais carinhoso
Talvez por isso que ele é triste e sofre
E na tristeza se sente tão inseguro
Porque ele porta segredo que eu te juro
Estar mais protegido que a fortaleza de um cofre.

Coração triste com defeitos e virtudes
Em prol do amor sempre toma atitudes
Fica em silencio cada vez que não entende
Mas nunca se cala perante uma injustiça
Que faz uma alma humilhda e submissa
Só porque a caprichos desmedidos não se rende.

Las canciones más vistas de

Pedro Nogueira en Octubre