Caprichosos de Pilares - Samba-Enredo 1995

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Sonhar, sonhei
Da terra brotei
E ouro virei (virei)
Sonhar, sonhei
Da idade da pedra
Eu sou negro rei
No reinado do petróleo
A arca pode navegar
Se Noé buscou na terra
Eu pego no fundo do mar
Mareja, vem mareja
Jorra nas ondas do mar
Mareja, vem mareja
De ouro negro vou me lambuzar

Os Incas do novo mundo
Pavimentavam nosso chão
Na Babilônia o árabe usava em construção
E ate hoje ainda é o seu quinhão
Brasil, jóia que a mãe natureza
Não negaria essa riqueza
E esse Lobato é genial
Hoje o sonho é realidade
Presente em nosso carnaval
Vem, meu amor
Vem, vem voar
Me amando nessa nave ao luar

Vou me acabar nessa magia
E a Caprichosos traz a energia

Las canciones más vistas de

Samba-enredo en Octubre