Chuva... Sangue da Terra

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

A chuva sangue da terra que faz a planta nascer
A chuva sangue da terra que faz a planta crescer...

A seca é mãe da miséria, a chuva mãe da fartura
A chuva pingo de ouro caindo lá das alturas
A terra está molhada não tem pranto nos olhos meus
A chuva que cai do céu, vem lá da casa de Deus.

No dia que está chovendo debruço em minha janela
Apreciando a paisagem, a natureza tão bela,
A plantação está crescendo, a chuva batendo nela
A chuva que cai do céu é fartura na panela.


Autor(es): Lourival dos Santos / Tião Carreiro

Las canciones más vistas de

Abel e Caim en Octubre