Cara a cara

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Vamos falar sinceramente sobre nós
Vamos gritar até ferir a nossa voz
Não vê que a festa começou?
Só você se escondeu, se guardou

Nosso passado entrou na dança e vai mostrar
Derrotas que nós dois tentamos não contar
É muito tarde pra fugir
Sem fingir, sem mentir, sem sangrar

Vai ter que ser cara a cara
A rodada da decisão
É pra valer, minha cara
Esse jogo não tem perdão
Tem um de nós escondendo
Uma carta maior na mão
É isso aí, tá na cara
Na mesa e no coração

Cara a cara, cara a cara
Cara a cara, eu quero ver
Cara a cara, cara a cara
Cara a cara, é pra valer

Vamos gritar até ferir a nossa voz
E nas trapaças descobrir quem somos nós
É muito tarde pra pensar
Vem jogar, se arriscar, vem sangrar

Vai ter que ser cara a cara
A rodada da decisão
É pra valer, minha cara
Esse jogo não tem perdão
Tem um de nós escondendo
Uma carta maior na mão
É isso aí, tá na cara
Na mesa e no coração
Cara a cara, cara a cara
Cara a cara, é pra valer


Autor(es): Antonio Marcos / Sérgio Sá

Las canciones más vistas de

Antônio Marcos en Octubre