Bartô Galeno

Cidreira Viva

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Sauruê, sauruó
Salve bodocongueira e bodocongó - bis

Salve a banda da escola da professorinha
Minha nêga fez concurso e agora é raínha
Rebolou durante um ano pra fazer um verso
Caminhou de mundo afora e se deus não desse
Ficaria na estrada pedindo guarida
Pois é preciso ter coragem pra vencer na vida
Refrão
Salve o povo que desfila com ansiedade
O carnaval foi embora, ficou a saudade
Morre o homem, fica a fama, isso é verdade
Mas o seu nome fica escrito na eternidade
Refrão
Meu galho é cidreira viva que do chão brotou
Lá no fundo da verdade mora o meu valor
Sou semente da terra e quero lhe dizer
Que o meu canto é brasileiro
Canto puro e verdadeiro
Quero ver o mundo inteiro comigo dizer


Autor(es): Bartô Galeno

Canciones más vistas de

Bartô Galeno en Diciembre