Luís Capucho

Carta Solitária


Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

queria poder te dizer tanta coisa
que sequer tenho coragem
vi você seguir viagem, distância pedir passagem.

outro dia achei que era isso
mas percebi as flores mortas
aí entendi que não há portas,
sobremesas não são tortas.

mas acho que o medo da verdade me corrói
o medo da verdade rói
a sombra da maldade me destrói
o vento que penetra dói.

pensei ao menos em você
já que assim você nem precisa saber
já que não era mesmo pra eu dizer
já que não há mais nada o que fazer

por você eu acordei e dormi
imaginei a gente em nova iork
pensei algo em que você se importe
e desejei profunda sorte.

mas acho que o medo da verdade me corrói
o medo da verdade rói
a sombra da maldade me destrói
sua falta a meu lado só dói.


Autor(es): Leo Rivera / Luis Capucho

Canciones más vistas de

Luís Capucho en Enero