Conterraneos

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

O amor também tem aspereza, Faz chorar
Toda brisa que me beija, Vem de lá
Quando se parte de um lugar, Sem querer
Parte-se um pouco de tudo
Fica-se um pouco por lá
Tão nordestino é um desatino, De sonhar
De construir casa e destino, Sem morar
Tão carregado de esperança, ao partir
Pensando que a hora da volta, Já esta pra chegar

Saudade chega no cheiro da moça, chegada recente
Saudade chega na fala do moço, chegado de lá
Saudade chega no pingo da chuva que cai derrepente
Saudade chega no claro do dia de qualquer lugar

Canciones más vistas de

Dominguinhos en Enero