Ciclone

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Maltratado sem elogios
Apenas ternura do sangue dos outros
Apocalipse inteligente
Esta insana antiguidade
N?tem coragem
De ser
Fora o espet?lo inenarr?l
Intitulado fora de si
Como se houvesse op?
De ser ou n?ser
Enfatizava o cora?
Que de t?pouco somos poucos
Mas n?basta ser pouco ent?
Vale mais morrer sem decep?
E morar no mundo um dia
Ser somente um dia energia
Significa o absurdo para quem ler
Estava no audit? onde sacrificam mudos
Fugiam, outros se ajoelhavam e respondiam sim.
Ele passeava
Era natural quanta desgra?
Que pensou e cresceu
Assim
De ansiedade e sufoca?
Por press?
E somente euforia
Saliva Bipolarizada que transmiti e que mata
Mestre me mostre o que me serve
Ajuda
Era pra sim mesmo
Outrora sinusite
Mas quem te disse rapaz
Que para seu m?lo fortalecer voc??ter?ue amortecer
A carga do ?o
Submundo
imundo
E alem do mais seja o burro de carga da nova gera?
Que n?construiu nada
Que sofre de c?er desde beb?Que gosta de ser enganada
Mostrando ao seu povo
Para todos saber
Que s?doentes
Que s?fren?cos
Que alisam o ber?
Onde dorme outra crian?


Autor(es): Fernando Macário

Canciones más vistas de