Conflitos

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Toda aquela gente da minha rua sabe dizer o que aconteceu
Pratos, copos, corações quebrados, os seus gritos e também os meus

Paredes pintadas e o meu retrato não figura mais na cômoda
Nossos tratos, contas, corações fechados de mudança para um novo lar

Ela vem, se quer voltar
Não sei dizer, em meu lugar
Me resta ver, com que humor virá

O que fazer, o que esperar
Devo correr, talvez gritar
Fazê-la ouvir o que o amor dirá

Quem te disser que vai curar
Do amor em poucos anos
Não fala por nós dois

Eu sei, bem dos cacos pra juntar
Mas quem não diz que somos
Perfeitos pra nós dois

Seus olhos abertos, tão bem pintados, não deviam mas queriam ver
Nossos laços, corpos, corações atados, na vontade dupla de se ter

Os padres, pastores e santidades pareciam ter toda razão
O pecado era seu vestido branco, confundindo o certo e o tesão

Ela vem, se quer voltar
Não sei dizer, em meu lugar
Me resta ver, com que humor virá

O que fazer, o que esperar
Devo correr, talvez gritar
Fazê-la ouvir o que o amor dirá

Quem te disser que vai curar
Do amor em poucos anos
Não fala por nós dois

Eu sei bem dos cacos pra juntar
Mas quem não diz que somos
Perfeitos pra nós dois


Autor(es): Uirá