Joca Martins

Coplas campeiras

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Hoje o vento que vem lá cordilheira se topou com meu ponchito bichará
Outro dia me pegou desprevenido até a alma empeçou a encarangar
Resolvi sai bem cedo pra invernada porque o dia de inverno é meio curto
Neste meu tostado ruano frente aberta paciencioso vou pitando um bom de um fumo

Quando setembro vier já fiz meus planos vou me embora pra uma estância do outro lado
Me disse o João mulato domador o paisano paga changa e é dobrado
Me disse o João mulato domador o paisano paga changa e é dobrado

Quero ver se troco os bastos já tão velho de tanto levar trompada de ventena
E o piá que já precisa de colégio pra não sofrer a xucra pena de torena

Vou cruzando aqui no passo ainda me lembro o que a doca amadrinhava uma bragada
Se casco a corcovear e eu dê-lhe boca e sai pisando orelha na rodada

Nestas coplas eu já fiz a recorrida troco o passo rumo ao rancho de posteiro
Orelhar um truco bueno junto ao fogo sobra guapa do destino de campeiro
Orelhar um truco bueno junto ao fogo sobra guapa do destino de campeiro

Hoje o vento que vem lá cordilheira se topou com meu ponchito bichará


Autor(es): Xiru Antunes

Canciones más vistas de

Joca Martins en Mayo