SNJ

Covards

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Se ligue e fique esperto
Pois, covarde nas rua te espera
Reze e acenda uma vela para sua alma
E tenha calma, a noite ou de dia
Pois na mira estamos
Estamos no meio de um fogo cruzado
Andando em um barco escuro
O medo toma conta de você

Se desespera, estão a sua espera
Você não sabe quem
Mas querem te pegar
Sei la se sobrevivera pra contar historia
Pois não vi gloria nenhuma
Daqueles que já se foram

Ninguém sabe, ninguém viu
E na noite sumiu
Pra não ser a testemunha do crime
Ninguém olhara por você
Em hipótese alguma
Então se ligue pois nas ruas
Covarde nas rua te espera
Entao reze e acenda uma vela para sua alma

Covarde nas rua te espera
Reze e acenda uma vela
Covarde nas rua te espera
Covarde nas rua te espera
Covarde nas rua te espera
Covarde nas rua te espera
Reze, reze e acenda uma vela para sua alma

Então antes de sair de casa
Reze pelo seu irmão
Pois nao se sabe se volta pra casa
Sao e salvo mermao
Você não sabe se policia ou ladrão
A quem ira nos abordar desta vez
Uma vez esperto
Se ligue pra não ser roubado
Ou morto por algum cara louco
Você só tem que rezar
E pedir para Deus
Em si, nos guardar
Pois quem ira nos salvar

De uma rajada de balas
Sem destino disparadas
No meio da madrugada
A salvo nunca se deve estar
Dentro do barraco
Na calada podem ser invadidos
Por homens desinformados
Que para eles, aqui
Sao safados, drogados
Pessoas de bem, aqui se tem
Mais um alem
Tem que ficar esperto
A qualquer hora pode ser a sua vez
Nem tente reagir (nem tente)
Mais só que reze
Acenda uma vela para sua alma
Pois, covarde nas rua te espera

Covarde nas rua te espera
Reze e acenda uma vela
Covarde nas rua te espera
Covarde nas rua te espera
Covarde nas rua te espera
Covarde nas rua te espera
Reze, reze e acenda uma vela para sua alma

Bastardo, não minto
Não vejo motivo de continuar
Escondendo a verdade por nunca se saber
Se eles terão piedade de nos
Estamos sós, nas ruas você esta só
Basta um passo em falso
Para te mandarem pro espaço
Pois a ordem e matar
Sem ao menos explicar
Sua cova irão cavar
Os que se achavam os mais espertos

Hoje estão mortos
E a policia, o bandido
Pra onde corro, mas que sufoco
Ja não sabemos para que lado devemos correr
Sabe la o que poderá acontecer
Sobreviver ou morrer
Eis a questão
Então, não temos alternativa não
Basta estar vivo para ser morto a qualquer momento
A qualquer momento
Sempre sera assim
E ninguém nunca entendera isso ai
Pois vem um pilantra e te rouba
Vem os homens e te enquadram
O que fazer então, correr não adiantara
Clamar por justiça não vai adiantar

Pois poderão te levar como o principal suspeito do crime
Se for um dos nossos então, mermao, esta perdido
Tera que pagar por um crime que não cometeu
Se não es tu, e eu
Temos que ficar esperto
Reze, ore e confesse
Não deixe de fazer suas preces
Pois já que estão te perseguindo
Snj mais uma vez te deu um toque
Se toque, se ligue
Pois, covarde
Covarde nas rua te espera
Reze e acenda uma vela para sua alma
E tenha calma, a noite ou de dia

Covarde nas rua te espera
Reze e acenda uma vela
Covarde nas rua te espera
Covarde nas rua te espera
Covarde nas rua te espera
Covarde nas rua te espera
Reze, reze e acenda uma vela para sua alma