Robertinho Rennó

Cowboy Contemporâneo

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Sempre fui um cara polêmico
Sou apaixonado por motos e mulheres
Tenho muita estória para contar
Tenho meus amigos para zoar
Fim de semana ta chegando
Checo minha moto,eu cuido dela com prazer
Peço a nossa senhora para me proteger
Tomo o meu café
Pego a estrada é para valer

Ô ôh liberdade
Minha alma clama toda sua intensidade
Ô ôh igualdade
A turma reunida o sonho vira realidade
Ôu uou
Não tenho nada a perder
Ôu uou
Tenho um destino para cumprir
Zz top, easy rider, creedence clear water
Have you ever seen the rain
I was born to be wild
Minha garupa sinaliza pit stop no motel ô

Sou cowboy contemporâneo
Pulso forte no guidom
Ouço som de um trovão
Não se assuste meu amor
È o ronco do motor da minha moto
Vejo um raio no horizonte
Sigo sempre em frente clareando a minha mente
O meu capacete reluz o sol
Tenho na jaqueta duas asas tatuadas
O vento bate no meu rosto
Sinto a endorfina tomar conta do meu corpo
Não contenho a forte emoção
A vida é uma aventura, sigo em frente na estrada

Ô ôh liberdade
Minha alma clama toda sua intensidade
Ô ôh igualdade
A turma reunida o sonho vira realidade
Ôu uou
Não tenho nada a temer
Ôu uou
Sigo a trilha do meu coração
Zz top, easy rider, creedence clear water
Have you ever seen the rain
I was born to be wild
Minha garupa sinaliza pit stop no motel


Autor(es): Andre Costa / Robertinho Rennó

Canciones más vistas de