De Clave e Coração

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Pela onda dos encontros
Apesar do desencontro
Que essa vida esta
Já diz o poeta
Esbarrei no teu encanto
Aprendendo no entanto
Que chorar demais
É gastar a vida

Tua sina é densa melodia
Tua escrita é feita
De boca e olhar
Já que aceitas tua vida
Preenchida de um poeta
Que desaprendeu
O trançar da rima
Esqueçamos o passado
Costurando as horas livres
Numa asa além da carnificina
Dessas dores sem humanidade
Transformando em pedra
O coração vitral

Já que eu tenho um amigo
Um afago desse tanto
Vou pagar pra ver
Se cabe um sonho
Um riacho para sede
Um abrigo para o tempo
Um irmão de sol
De clave e coração


Autor(es): Eric Brandão