De Cabeça Virada

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

E lá vai você
Muito doido novamente
Correndo atrás do vento
E o vendaval dentro de sua mente
O que vai levando
O que vem trazendo?

Dos quatros cantos
Nunca leva
Nem traz uma boa resposta
Mente insana
E o corpo entorpecido
Pelos seus envaidecidos encantos
De cabeça você embarcou nesta
O que só você vê?
É muito além
Do que você prevê
Só mais um pobre rico refém
Criou seu próprio cativeiro
Você se embriaga
Sobrevive de falsas esperanças
Quem se decepcionará primeiro?
Que se atire do desfiladeiro
Sobre vãs promessas

Este mundo
Pode até ser todo seu
Mas sempre
Aos seus pés você se rendeu
Em uma viagem biruta
À terra do nunca
Da qual você jamais deveria ter ido
E agora?
Da esquina jamais passará
Um sonho medonho
Tristonho
Que jamais deveria ser nascido

Mas você se arrasta
E não escapa
Garras feito arame farpado
Estão de guarda em alerta
Encurralado
Mais uma vez você se aventura
Inflamado pela sua loucura
Brincando em um belo campo minado
Você mal junta seus pedaços


Autor(es): Gambeta

Las canciones más vistas de

Gambeta en Agosto