Defunto Morto Não Fala

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Deu zebra sim malandragem, deu zebra sim
No velório do Zé Cavoeiro
Um grande tumulto começou assim
Diga lá, diga lá
-Deu zebra sim malandragem, deu zebra sim
No velório do Zé Cavoeiro
Um grande tumulto começou assim
Olha ai apertaram o nariz do defunto
Saiu um pó branco e ninguêm entedeu
O doutor delegado que estava presente
Quiz saber como foi que o defunto morreu
O defunto fechou logo a cara
E a malandragem tambêm se ligou
A viúva assim respondeu
"É melhor perguntar ao defunto, doutor"

Diga lá....
-Deu zebra sim malandragem, deu zebra sim
No velório do Zé Cavoeiro
Um grande tumulto começou assim
Sujou, sujou
-Deu zebra sim malandragem, deu zebra sim
No velório do Zé Cavoeiro
Um grande tumulto começou assim

Defunto morto não fala
O doutor delegado entrou logo em ação
Gritando com o grupo "O presunto tá preso,
em nome da lei para averiguação"
Algemou o cadáver na hora
E jogou na caçapa de um rabecão
Levando o presunto pro I.M.L
E a rapaziada gritava o refrão..

Diga lá....
-Deu zebra sim malandragem, deu zebra sim
No velório do Zé Cavoeiro
Um grande tumulto começou assim
Sujou, sujou
-Deu zebra sim malandragem, deu zebra sim
No velório do Zé Cavoeiro
Um grande tumulto começou assim

Enquanto o defunto era autopsiado
A alma do bicho lá no ceu chegou
Mas São Pedro quiz saber do pó
Tambêm dando uma de investigador
Foi ai que pintou o capeta
Dizendo "Malando ele é o meu convidado,
o pó que ele trouxe eu faço a cabeça,
por isso São Pedro trate de arrega-lo"
-o pó que ele trouxe eu faço a cabeça,
por isso São Pedro trate de arrega-lo

Ai limpou...
-Deu zebra sim malandragem, deu zebra sim
No velório do Zé Cavoeiro
Um grande tumulto começou assim
Ai sujou...
-Deu zebra sim malandragem, deu zebra sim
No velório do Zé Cavoeiro
Um grande tumulto começou assim

Las canciones más vistas de