Magary Lord

Demanda

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Sabe quando tem uma demanda
Tenha calma meu bem ,
Olha se mereço, pago o preço, não vou vacilar
E no computador o email voltou, sobrecarregado está

É uma demanda
Mais que demanda
Alto flante coletivo por onde você passa
Alguem corre pergigo no decimo andar
Todo dia na cidade, sinal vermelho
Radioatividade, de onde é que vem?

É luz, é gesto, é manda, é quase mantra
De ilusão também, você tem medo do escuro da noite
E ainda fica me chamando nesse vai e vem
Vem, vem, vem, vem, vem, vem, vem.

Sabe quando tem uma demanda
Tenha calma meu bem ,
Olha se mereço, pago o preço, não vou vacilar
E no computador o email voltou, sobrecarregado está

É uma demanda
Mais que demanda
Alto flante coletivo por onde você passa
Alguem corre pergigo no decimo andar
Todo dia na cidade, sinal vermelho
Radioatividade, de onde é que vem?

É luz, é gesto, é mana, é quase mantra
De ilusões também, você tem medo do escuro da noite
E ainda fica me chamando nesse vai e vem
Vem, vem, vem, vem, vem, vem, vem.

Alto falante, alto falante coletivo, alto falante coletivo
(alto falante, alto falante)
Alto falante, alto falante coletivo, alto falante coletivo
(alto falante)
Alto falante, alto falante coletivo, alto falante coletivo
(alto falante, alto falante)
Alto falante, alto falante coletivo, alto falante coletivo
(alto falante)

Alto falante coletivo por onde você passa
Alguem corre pergigo no decimo andar
Todo dia na cidade, sinal vermelho
Radioatividade, de onde é que vem?


É luz, é gesto, é manda, é quase mantra
De ilusão também, você tem medo do escuro da noite
E ainda fica me chamando nesse vai e vem
Vem, vem, vem, vem, vem, vem, vem.


Autor(es): Ênio Maloca / Magary Lord