Desengano

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Pelas veias dessa estrada
Passa o boi, passa a boiada
Só não passa ela

Pelas veias dessa estrada
Passa o boi, passa a boiada
E nada dela

Passa um rio que desaba pro oceano
E meu plano sem nada acontecer
E eu aqui com uma saudade da cabocla
Que beijou a minha boca pra valer

Entra ano e sai ano e o desengano
É quem manda na gente por querer
E eu aqui com saudade da cabrocha
Chega acocha o meu peito e faz doer

Mas não tem nada não
Um outro ano vem e ele me perdoa
A gente vai ficar de novo numa boa
Dar um desconto no tempo que ficou de fora
Mas não tem nada não
Um outro vem ano e ela me perdoa
Agente vai ficar de novo numa boa
E dessa vez é a saudade quem se apavora

Las canciones más vistas de

Flávio Leandro en Agosto