Despedida de Amargar

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

De manhã muito cedinho.
Vi um canto entuar.
Eram dois canário verde.
Cantando pra se avista.

Que nem eu e meu benzinho.
Doidinho pra se encontra.

Ele foi e eu fiquei.
Com os zóio a marejá.
Ele partiu soluçando.
Com pena de mi deixá.

Encontro de amor é bom.
Dispidida é de amargá.

Lembro o ano lembro o mês.
Lembro o dia a hora exata.
Que eu fiquei na estação.
Ai meu Deus que sorte ingrata.

Saldade de um grande amor.
Quando não mata maltrata.

Todo mundo sabe bem.
O rio corre pro mar.
O trem corre pra estação.
Dois amor pra se abraçá.

Eu sei que meu pensamento.
Corre só pra onde tu tá.

Las canciones más vistas de

Marinês en Agosto