Canção Nativa

De São Chico a São Chico

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Cada fronteira se ouve o bugio
No meio do mato da onde surgiu
Com o passo largo pulando, roncando
Assim vai passando as noites de frio

De São Chico de Assis foi subindo a serra
Com braçada larga foi galgando terras
Passando trabalho na serra chegou
Em São Chico de Paula o bugio lá roncou

O bugio é medonho faceiro e pachola
Bicho carpinteiro que não pede esmola
Se vai mato a dentro nos pagos se expande
O bugio tomou conta de nosso Rio Grande
(O bugio é a marca do nosso Rio Grande)

Este bugio velho cruzou o Rio Grande
Desta terra se expande a bela natureza
É uma riqueza de matos e rios
Em todas querências se ouve o bugio

Em São Chico de Paula nesta linda terra
No alto da serra nasce o rio Caí
Na barranca do rio o bugio vai roncando
Com a gaita no peito o bugio vou tocando


Autor(es): Adriano Oliveira

Canciones más vistas de

Canção Nativa en Agosto