Diluvianas

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Pra bom entendedor
Noel, o radical
fez o Brasil sair
em sangue vivo pela boca.
E com que roupa eu vou
visitar catacumbas,
cruzar com Villa-Lobos
nos terreiros de macumba.
Pra bom entendedor
da lenda original,
Moema dissolveu-se
quase igual a um sonrisal.
E vi Caramuru
num terno da Ducal
pregar em Turiaçu,
na igreja pentecostal.
Pra bom entendedor
o novo carnaval
é o fogo se espalhando
entre os cães siberianos.
E com o passar dos anos
como é que vai ser?
Talvez o pó vermelho
dos desertos marcianos.
Pra bom entendedor
o trailer do final
matilhas de crianças
varrem as praias tropicastas.
Se alastra entre os gurus
visões diluvianas.
Carmem Miranda teme
que não haja mais bananas.


Autor(es): Aldir Blanc / Guinga

Canciones más vistas de

Fátima Guedes en Febrero