Distante dos Olhos

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Como é difícil eu viver assim
Distante dos olhos tão perto de mim
Como eu te amo...
Tudo acabou, mas não te esqueci
Pouco tempo passou, já envelheci
Parece cem anos.

Dos sonhos que foram ficou a saudade
E as lágrimas que choro, a esperança
E a vontade de ser feliz...
Levanto depois da prece
Abro a porta e vejo você voltando pra mim.

É você o sonho que não pude ter
Em você está a paz que preciso pra viver
Só você é quem pode tirar deste inferno onde estou
Mendigando seu calor, trazendo seu amor.

Talvez o tempo possa mostrar
Tudo que fiz só por te amar
Como eu te amo...
Se te ofendi foi sem pensar
Te fazer sorrir e nunca chorar
Estou chorando.

Tento fugir de mim e de tudo
Mas você é impossível, é meu mundo,
Como te esquecer
Se no sangue que corre em minhas veias,
Você é a sela que passeia
Dando vida ao amor e não deixa ele morrer

Las canciones más vistas de

Gilberto e Gilmar en Noviembre