Drumonda

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Tem espinho na roseira
Cuidado vai cortá a mão

Pedro Alcântara do Nascimento
Amava Rosa Albuquerque Damião
Pedro Alcântara amava Rosa
Mas a Rosa não amava ele não
Rosa Albuquerque amava Jorge
Amava Jorge Benedito de Jesus
E o Benedito, bendito Jorge
Amava Lina que é casada com João
E o João, João sem dente
Amava Carla, Carla da cintura fina
E a Carla, linda menina
Amava Antônio violeiro do sertão

E o sertão vai virar mar
O mar vai virar sertão

E o Antônio, cabra da peste
Amava Julia que era filha de Odete
E a Odete amava Pedro
Que amava Rosa, que era prima de Drumond
E o Drumond era casado com Maria
Que era filha de Sofia, mãe de Onofre e de José
E o José era casado com Nazira
Que era filha de Jandira, concubina de Mané
E o Mané tinha dezessete filho
Dez home e seis menina
E um que ia resolver
O rapaz tava já na adolescência
Tinha brinco na orelha e salto alto pra crescê

Tem espinho na roseira

E o Rodolfo, que já era desquitado
Era homem mal amado
Não queria mais viver
Encontrou Maria Paula de Arruda
Que lhe deu muita ajuda, fez seu coração crescer

E são essas histórias de amor
Que acontecem todo dia, sim senhor.


Autor(es): Andre Abujamra

Canciones más vistas de

Ana Salvagni en Febrero