Fernando Maurício

Enigma

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Das horas perco a noção
Assim que a noite declina
Prá madrugada chegar

Envolto na escuridão
Procuro sempre uma esquina
Só para te ver passar


Quero dizer que te amo
Mas qual sombra fugidia
Passas por mim descuidada

Quando a tua imagem chamo
À luz divina do dia
É tudo sombra e mais nada


Por isso sem que me afoite
Em passar de noite à rua
Onde em má hora te vi

Procuro as sombras da noite
Então escondido da lua
Eu canto pensando em ti


Quem sou, quem és, não importa
Eu sou mais um que suporta
Um amor inconfessado

E tu com esse amor esquivo
Serás o doce motivo
Que m?inspirou este Fado

Canciones más vistas de