Enquanto Existir

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Enquanto existir
Um pouco de paz esperando nascer,
Enquanto existir
Lembrança prá gente lembrar de viver,
Saudades antigas cheirando o amanhã,
Se torna impossivel pensar em morrer!

Enquanto existir
Um raio de luz pendurado no céu,
Enquanto existir
Abelhas e flores em beijos de mel,
A voz de um poeta gritando a emoção,
Aceito por doce uma taça de fel!

Enquanto existir
Um motivo qualquer,
Que trago a certeza de sobreviver,
Eu quero me abrir como dois girassóis
Sedentos de luz pra depois renascer!

Enquanto existir
Um sorriso de fé
Dizendo que a vida não pode morrer,
Devemos plantar a semente de nós
Num canto onde o sol a fecunde em prazer!

Obs.: Álbum de 1982.


Autor(es): Bidoca / Mário Maranhão

Canciones más vistas de

Mário Marcos en Febrero