Encaixotei Minha Paz

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Encaixotei minha paz e despachei pelo carteiro
Espero que me faça falta pra eu saltar do meu poleiro
Quando o amor se desfaz só o delito aparece
Quando o amor se refaz a gente finge que esquece

Na nossa conta conjunta ficou tudo no vermelho
É um mistério que se assunto no nosso cofre no bueiro
Meu coração cajafajeste não recolheu nada que preste
E deste saldo amoroso paguei até IOF

Eu te amo e você me rouba
Eu declamo poemas sinceros e você só pensa na cama
Eu te amo e você me rouba
Eu declamo poemas sinceros e você só pensa na grana

Os beijos trouxe pra mim, desperdiçar é um pecado
Não que me fossem tão bons assim,
Melhores já vi no mercado
Assustada porque fui assaltada à mão amada
Já entreguei minhas horas, a identidade eu não disse nada

Ladrão que rouba ladrão também encontra a sua cela
Misericórdia aos condenados, por tua alma uma vela
Meu pai de santo previu, cuidado com a falsidade
Quem hoje é seu tesouro, pode amanhã levar o seu ouro

Eu te amo e você me rouba
Eu declamo poemas sinceros e você só pensa na cama
Eu te amo e você me rouba
Eu declamo poemas sinceros e você só pensa na grana

Encaixotei minha paz e despachei pelo carteiro
Espero que me faça falta pra eu saltar do meu poleiro
Encaixotei... E despachei
Espero... Pra eu saltar

Las canciones más vistas de

Isabella Taviani en Noviembre