Mc Orelha

Entre o Luxo e o Sofrimento

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Ele entrou de cabeça na vida do crime
Largou pra traz o q tinha pra viver nesse regime
Desde muleque gostava de sentir adrenalina
Mas era visto por todos um muleque gente fina
Os anos se passaram e muita coisa mudou
Olha o muleque envolvido no crime a todo vapor
Cada vez mais envolvido por que o muleque e guerreiro
Sempre cheio de amigos,nem ligava pra dinheiro
Agindo com a pureza
Sempre com um papo sagaz
Assim ele foi ganhando condição cada vez mais
Mas todo grande homem tem por traz uma mulher
Aquela que não abandona. que sabe bem o que quer
Em meio as dificuldades,mesmo com tanto sufoco
Conseguindo alimentar o amor de um pelo outro
Mas a casa caiu pro lado do guerreiro
Derrepente sujou,policia no morro inteiro
E o que era pra ser alegria se tornou tristeza
Sem ter como reagir,agiu usando a cabeça
Se entregou pra mais tarde
Rever todos amigos
Aqueles que na alegria sempre estavam contigo
Mas foi ai que ele sacou qual é a onda
Quando caimos la dentro tem um montão que abandona
Só a familia que ajuda pra não piorar mais
Por que quem cai na cadeia,só deus sabe como sai
De dia sem ver o sol
De noite sem ver a lua
Doido pra voltar pra casa
Doido pra rever a rua
Mesmo com fé e esperança não se mantia tranquilo
Várias noites sem dormir
Só pensava no seu filho
É assim vida bandida tem luxo
Mas também tem sofrimento
Privado da liberdade tu ve quem é quem la dentro
Mas sei que ninguem nasceu pra viver como detento
Podem prender nosso corpos, mas não nossos pensamentos

É assim vida bandida tem luxo
Mas também tem sofrimento
Privado da liberdade tu ve quem é quem la dentro
Mas sei que ninguem nasceu pra viver como detento
Podem prender nosso corpos, mas não nossos pensamentos

Canciones más vistas de

Mc Orelha en Abril