Helder Moutinho

Esta Voz

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Esta voz com que te chamo não é minha
É do vento que se estende nas praias da solidão
É um grito de paixão que se avizinha
Esta voz com que te chamo não é minha
Mas é minha a condição.

Esta voz com que te chamo na ternura
Dos teus olhos, verdes campos, mar sereno, cor do mar,
É um grito de paixão quase loucura
Esta voz com que te chamo é quase pura
Quando chama o teu olhar.

Nossos fados são assim quase dispersos
Envolvidos num segredo que não queremos revelar.
Num poema onde os versos são diversos,
Nossos fados são dispersos,
Mas não sabemos amar.

Esta voz com que te chamo é quase louca
pelo brilho que revelas no fundo do teu olhar.
Água pura, doce mel na tua boca,
Esta voz com que te chamo é quase louca,
Mas não sabemos sonhar.

Esta voz com que te chamo é quase louca,
Água pura, doce mel,
Mas não sabemos sonhar.

Canciones más vistas de

Helder Moutinho en Agosto