Jair Oliveira

Fome Danada

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Fome Danada
Ê, madrugada
Tô com uma fome danada
Madrugada, ê, madrugada
Tô com uma fome danada
Já me cansei de esperar pelo meu bem
Que não vem
Seu garçom,
Traga sal e torrada
É, muito tempo nesse frio
com o estômago vazio
Meu amor, não seja tão malvada
Madrugada!

Repete

Ê, madrugada....
Já me cansei da brincadeira
Esperei a noite inteira
Seu garçom, traga a galinha assada
É muito tempo aqui sentado
Com o estômago pelado
O, meu amor, não seja tão malvada
Ê, madrugada...

Canciones más vistas de

Jair Oliveira en Septiembre