Ponto Nulo no Céu

Fluxo Natural

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Adivinha quem tá de volta?
E a revolta ainda não cessou,
Essa aqui é a nossa resposta
Que a nossa voz ainda não calou.

Um novo dia
Um outro ciclo
O mesmo sonho

No ciclo interminável
No fluxo natural das coisas
Quero Aprender, quero entender,
E me elevar
Mergulho interior, desdobrando as raízes
Descubro o espírito,
Flutuando em outras dimensões

Fluxo Natural

Reconexão universal, deixo os sentidos a postos,
Não falo de formas, nem de corpos
Mergulho
Factoide intencional, te inserta
Na programação carnal essencial,
Remover o manto que pousa
Por sobre toda coragem

Um novo dia,
Um outro ciclo,
O mesmo sonho, o mesmo sonho
Com esmero ponho,
O enfrentamento a caminhar, passo distante a vislumbrar
Tudo o que poderíamos ser
Com mentes férteis e pulsos fortes,
Sonhos inderrubáveis e lindas imperfeições

Mergulho interior, desdobrando as raízes
Mergulho interior, desdobrando as raízes
Descubro o espírito,
Flutuando em outras dimensões

A terra abraça o que sobrou
Transforma morte em vida,
O que restou: Informação primordial
Pra tentar entender então,
Todos motivos, os sentidos,
Encontrar com a razão


Autor(es): Dijji Rodriguez

Canciones más vistas de