Forasteiro

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Eu vivo a minha vida
Da maneira que eu quiser
Rompi velhas correntes
Que prendiam os meus pés
Não tenho hora marcada
Pra beber o meu café

Eu não tenho pátria
Eu não tenho bandeira
Nem cor nem passaporte
Divisas ou fronteiras
A liberdade é minha
Eterna companheira

Eu sou um forasteiro
Pela estrada eu vou seguindo
Eu sei de onde venho
E também sei onde estou indo
Por onde eu vou passando
Os cães ficam latindo

Canciones más vistas de

Revolver en Enero