Gonzaga (Jean Charles)

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Aonde está Jean Charles
Ele não morreu
Está no peito de cada emigrante,
Amigo seu

Não sei se foi Jean Charles
Ou se foi um sonho meu,
Mas esqueceram que justiça quem faz é Deus

La se vai um imigrante
Lá se vai um sonho seu

Nem seu choro se escuta
Porque não houve tempo de dizer adeus

Por terrorista a policia o entedeu
E com algumas libras pra sua família
Se defendeu

Como se paga um coração?
Como se paga um ideal?
Como se paga a paz, de um rapaz
E o transtorno mental?
Como se paga pra morrer em paz?


Recitado

"Jean Charles foi um sonho brasileiro

Sonho brasileiro no estrangeiro
Que nos olhos de sua mãe
É um menino

Cercado de suor,de dor e balas de armas automáticas
Penar de um ser humano

Repousando por outro dia ...
A maldade que sofreu
E tão rápido passou a não existir
O silencio é seu mérito?"
Algum dia poderia ter sido velho
E como contar pras crianças do tio Charles, se as crianças não entende a morte nem nós entendemos
Como fazer a paz em enlatado para Londres?

Como quem paga a paz
Como quem paga pela paranóia
Quem fica bem nessa historia?

Como se paga um coração?
Como se paga um ideal?
Como se paga a paz, de um rapaz
E o transtorno mental?
Como se paga pra morrer em paz?


Autor(es): Fernando Macário

Las canciones más vistas de

Devaneio Ativo en Noviembre