Gotas em caos

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Quando a chuva escorre pensamentos caem
Gotas em caos de selva avenida
Se o calor do outro no vapor do corpo
Enrolando do solto pra brindar o dia
Se o encanto serve pra qualquer moléstia
Pra curar encosto olho grande de ironia
Acontece e vinga como rio que vaza

Estranhos te lembram alguém que passou
Estranhos te lembram alguém que se perdeu

Quando vê passar o tempo como rio
Que também é teu sangue e glória
Se o inferno é o céu do dia a dia que passa devagar e morno
Só vivendo a pressa de andar em brasa
Perguntando o que pesa e o que quer agora
Acontece e vinga como rio que vaza

Estranhos te lembram alguém que passou
Estranhos te lembram alguém que se perdeu

São gotas em caos de selva avenida...


Autor(es): Sammilz

Las canciones más vistas de

Madame Saatan en Noviembre