Homem de Pouca Fé

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Homem de pouca fé
Por que temes, se eu estou aqui?
Não afliges o teu coração
Se a tempestade não vai lhe esperir

Homem de pouca fé
Por que choras, se eu estou aqui?
Não afliges o teu coração
Se a tempestade não vai lhe esperir
Se posso andar, sobre as águas dos mares
Fazer o paralítico andar
Eu sou o Deus que move céus e terras
E quem crer em mim, o mal não podes tocar

Eu sou teu Deus, a tua vida, tua salvação
Eu sou o brilho das estrelas, a luz na escuridão
Eu sou a rocha inabalável, a tua saída
Não tenhas medo da morte, porque eu sou a vida


Autor(es): Francis Lopes

Las canciones más vistas de

Francis Lopes en Noviembre