Guerreiros da Vida, Protetores da Mãe Terra

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Com o espírito de índios guerreiros
Em defesa da mãe terra
Sou cova da onça, a hora chegou
Da luta pra uma nova era

Olhos de fogo
Nativa fonte de sabedoria
Traços marcam seu rosto
Riscos do tempo e da profecia
Não há aves no céu, o azul do mar escureceu
E a vida desapareceu no fundo e no leito dos rios
O verde arde as chamas da ambição
E parar essa destruição é nosso desafio

Gaia adoece pelas nossas mãos
A índia entristece o olhar
Meu samba em prece diz que há salvação
É grito de alerta pro homem mudar

Planeta água
Aquece a frieza de teus filhos
Cristalina beleza
Turva em falsas fontes de evolução
A amazônia resiste
Mas a ganância do homem insiste
Em destruir o amanhã
Matando a floresta, sua guardiã
E o mundo adormece em um sono profundo
Parece ir a cada segundo
A caminho de seu fim
Guerreiros em um arco-íris trazem claridade
A luz florescente é da fraternidade
Recicla ao respeito e será sempre assim


Autor(es): André Diniz / Wander Pires

Canciones más vistas de

Wander Pires en Febrero