Imperatriz Leopoldinense - Samba-Enredo 1986

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

[Enredo: Um Jeito Pra Ninguém Botar Defeito (Aguenta, Coração)]

Despontou, ô ô ô
E faz ouvir ao longe o seu cantar
Ser feliz
É sempre amar, amor, Imperatriz

Despontou, ô ô ô
E faz ouvir ao longe o seu cantar
Ser feliz
É sempre amar, amor, Imperatriz

Um grito emana do povo
Os direitos são iguais
Brancos, negros, índios
Agitam a bandeira da paz
Desperta esperança
A vida acende, é luz, é cor
Surge nova era
O que passou, passou, ô ô
O que passou, passou

Vem brincar, amor
De um jeito tá
Que eu também tô

Vem brincar, amor
De um jeito tá
Que eu também tô

Vou cair na brincadeira
Rasgar de Norte a Sul
Vou pegar minha bandeira
Dançar o frevo e o maracatu
Quero ver, clarear

Aguenta, coração
Há verde e branco em minha vida
Meu futebol, meu carnaval
Minhas bandeiras na avenida

Aguenta, coração
Há verde e branco em minha vida
Meu futebol, meu carnaval
Minhas bandeiras na avenida

Canciones más vistas de

Samba-enredo en Febrero