Jallapão do Brasil

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

VIOLA DE PINHO

Viola de pinho, quanta saudade me trás, daqueles tempos nos rodeios de peões; tu nos meus braços alegravas as mocinhas, que sorridentes extravasavam ilusões.

Viola de pinho, quantas vezes tão presente, hoje ausente das festanças da cidade, pois lá na roça muita gente te estima, lá no interior alegras muito a mocidade.

viola de pinho quanta saudade me trás, daqueles tempos na roça, tempos que não voltam mais, hoje eu canto contigo sem tristeza e sem rancor, todo mundo está sabendo que eu tenho um grande amor, todo mundo está sabendo que tu és meu grande amor.

Viola de pinho muita gente na cidade, sente saudade de ouvir suas canções, não é difícil encontrar na vizinhança, dos que te ouça sentir grandes emoções; Viola de pinho te faço esta homenagem, de um cantador que mal pode se conter, é com orgulho que estas frases eu encerro, e te garanto que jamais vou te esquecer.

Canciones más vistas de