Maurício Reis

Lenço Manchado

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp


Eu já não sei o caminho que devo seguir (seguir)
Ela jogou minha aliança pra depois partir (partir)
Um lenço branco acenava dizendo pra mim (pra mim)
Um sonho desfeito, pois sinto no peito a dor do meu fim.
Se existe a felicidade, justiça e amor (amor)
Por que, então, Deus me deu um destino de dor (de dor)?
Há poucas horas alguém a notícia me deu (me deu)
Quem eu tanto amava e me desprezava na estrada morreu.
Pois no local confirmei a notícia que deu-me alguém
Nesta estrada maldita foi-se a vida do meu bem
Todos estavam com vida, somente o meu bem morreu
Em desespero eu grito: eu quero morrer, meu Deus!
Quando os meus olhos a viram em pranto cai (cai)
A minha voz que tremia eu quase perdi (perdi)
O lenço que acenava manchado ficou (ficou)
Cobrindo seu rosto, meu grande desgoto: perdi meu amor.
Pois no local confirmei a notícia que deu-me alguém
Nesta estrada maldita foi-se a vida do meu bem
Todos estavam com vida, somente o meu bem morreu
Em desespero eu grito: eu quero morrer, meu Deus

Canciones más vistas de