Anónimo

Lero Lero

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Fechei todas as portas
Tranquei janelas
Pra ter a certeza que ninguém mais vai entrar
Quando pensei que eu era o certo
Ela disse que não presto
Espalhou para o mundo ouvir que sou vazio
Não tenho nada para dividir
Na hora H viro pro lado e só quero dormir
Não tenho valor, não tenho amor
Não vê a hora, a noite não vai dispersar
Até que enfim está livre
Comigo perdeu tempo
Viveu na solidão, marcou passo
Viver de ilusão não quer voltar

Um barco ancorado perdido num oceano esperando quem não chega
Uma borboleta no ar, voando, voando a procura de uma flor
Como um coração vazio que procura uma paixão, sou eu
Um choro disfarçado esperando quem sei que não vai voltar

Sonhei com fantasias
Sempre acreditei em paixões
Acabou, até que durou muito tempo meu mundo de ilusões

Como é bom ouvir ao acordar eu te amo
Um cego apaixonado
tudo acabou , mais uma história de amor pra contar
Não acreditei quando ela abriu a porta, sem lero-lero deu um tchau, disse adeus
Fiquei parado sem saber como agir
Nunca pensei nisso, meu sonho chegou ao fim

Só disse que foi enganada, não valho o preço da etiqueta
Passaram a conversa na ânsia de me vender
Maquiagem perfeita, a embalagem uma tentação
A pedra parecia real
Pelo preço valia a pena, ilusão
Ilusão, não passo de um vitral colorido
Não tenho nada para dividir
Na hora H viro pro lado e só quero dormir


Autor(es): Mércio Rossi

Canciones más vistas de

Anónimo en Julio