Linda e Sem Alma (Bella Senz'Anima)

Imprimir canciónEnviar corrección de la canciónEnviar canción nuevafacebooktwitterwhatsapp

Agora sente-se
e olhe bem pra mim,
Você vai ter que ouvir,
Não me interrompa mais,
Faz tanto tempo e eu,
Quero falar de mim:
Viver junto a você
Tem sido inútil,
Tudo sem alegria,
Sem uma lágrima.

Nada nos une mais,
Nem nos separa.
Que armadilha,Deus,
E eu também caí!
Que venha o próximo,
Eu deixo o meu lugar!

Pobre diabo,eu sei!
Que pena me dá!
Quando o coitado,um dia,
Perdi o seu amor.
Você vai conceder,
Você nasceu assim.
Como é fingida,Deus.
Que jogo sujo o seu.

Agora que eu já sei,
Não olho mais pra trás,
Eu sinto ódio até,
Quero fugir daqui.
E dessa vez, você,
Vai ter que recordar!

Agora quero amor,
Você, você, me ensinou!
E não se iluda mais,
Já é última vez!
Vai se lembrar de mim,
LINDA E SEM ALMA,
nah, nah, nah, nah, não!
Não! Não! Não!
Vai se lembrar de mim,
LINDA E SEM ALMA!
Nah, nah, nah, nah, nah,
LINDA E SEM ALMA!
Nah, nah, nah, nah,
não! An! An! An!...


Autor(es): A. Cassella / M. Lubert / Riccardo Cocciante - Antônio Marcos

Las canciones más vistas de

Antônio Marcos en Septiembre