Não Há Palavras

Print songSend correction to the songSend new songfacebooktwitterwhatsapp

Quando escrevo estou calada
Apenas fala o coração
Não preciso de palavra pronunciada
Assustaria a minha imaginação
Tudo no poema é possível
As palavras são em vão
Prefiro deixar que seja o silêncio
A vazar nesta solidão
Quando escrevo estou calada
Apenas fala o coração

Falo de mim e de ti
Num poema em construção
Feito de lágrimas e dores
A vazar nesta solidão
De decepção e temor
Sem palavras de amor
Da rubra tinta da ilusão
A vazar nesta solidão

Quando escrevo estou calada
Apenas fala o coração
Não preciso de palavra pronunciada
Assustaria a minha imaginação
Tudo no poema é possível
As palavras são em vão
Prefiro deixar que seja o silêncio
A vazar nesta solidão
Quando escrevo estou calada
Apenas fala o coração
Quando escrevo estou calada
Apenas fala o coração.


Writer/s: Etelvina Gonçalves / Paulinho Natureza

The most viewed

Paulinho Natureza songs in October