De Que Me Vale


Print songSend correction to the songSend new songfacebooktwitterwhatsapp

De que me vale o seu olhar tão lindo
Se com bons olhos você nunca reparou
Num sertanejo filho das caatingas
Que tão descrente a sua terra abandonou
Mas não tem nada não
Tenho sanfona, faço verso e sou canção!
Mas não tem nada não
Tenho sanfona, faço verso e sou canção

De que valem suas avenidas
É mesmo impossível nelas transitar
De que me vale o seu corre-corre
Se a natureza morre antes de acordar
Mas não tem nada não
A chuva voltou a cair no meu sertão
Mas não tem nada não
A chuva voltou a cair no meu sertão

Eu vou-me embora
Pois eu sou bicho do mato
Vou pular que nem macaco
Lá nas matas do meu chão
E aos domingos
Roupa nova, igrejinha,
Lá se vem se vem Mariazinha
Me abraçando com emoção

Eu vou-me embora
Vou voltar pra natureza
Não fico me sufocando
Nessa terra de ninguém
Lá na pracinha
Meus amigos me esperando
Com certeza perguntando
Por que é que ele não vem?
Mas não tem nada não
Vou de carona, mas volto pro meu sertão
Mas não tem nada não
Mariazinha enfeitiçou meu coração

The most viewed

Manuelyto Caribé songs in January