Márcia Castro

Em Nome de Deus


Print songSend correction to the songSend new songfacebooktwitterwhatsapp


Eu nunca pensei que pudesse querer
Alguma mulher como quero você
Se o mago soubesse
E juntasse o meu nome em 'S'
Ao seu nome em 'C'
Nas cartas de todo tarot que houver
Em todo o i-ching eu podia não crer
Mas tudo é tão verde em seus olhos
Não dá pra não ver
Mas tudo é tão verde em seus olhos

Você nem se esconda, que eu vou procurar
Você nem se iludam que eu vou lhe encontrar
Você pode ir e sair e sumir por aí
Que não vai se ocultar
Eu vejo seu rastro onde ninguém mais vê
Eu pedo carona até no challenger
E vou nos anéis de Saturno buscar por você
Eu vou nos anéis de Saturno

'Mal te vejo
o coração se agita no meu peito,
do fundo da garganta já não sai a minha voz
a língua como que se parte,
corre um tênue fogo sob a minha pele,
os olhos deixam de enxergar,
os meus ouvidos zumbem,
e banho-me de suor, e tremo toda,
e logo fico verde como as ervas,
e pouco falta para que eu não morra
ou enlouqueça.
Pois o amor agita meu espírito
como se fosse um vendaval
e desabar sobre os carvalhos'

Sem ser João Batista, você batizou
Meu corpo na crista das ondas do mar
E aí me abriu feito ostra
E colheu minha pérola para Yemanjá
Agora que estou à mercê de sua luz
Em nome das águas lá de Bom Jesus

Em nome de Deus, me carregue
E me pregue em sua cruz
Em nome de Deus, me carregue


Writer/s: Sérgio Sampaio

The most viewed

Márcia Castro songs in January