JOSÉ PRUDENTE DE CARVALHO "CARVALHINHO"


Fecha de nacimiento:
29 de marzo de 1913
Fecha de fallecimiento:
30 de julio de 1970

Sumario
Trovapedia
Canciones compuestas por
José Prudente de Carvalho "Carvalhinho"
Cancioneros con canciones
de José Prudente de Carvalho "Carvalhinho"
José Prudente de Carvalho, mais conhecido como Carvalhinho (Sergipe, 29 de março de 1913 — Rio de Janeiro, 30 de julho de 1970) foi um compositor brasileiro.


Biografia



Aos 12 anos, mudou-se com a família para o Rio de Janeiro, onde fundaria, com outros compositores, a SBACEM.

A sobrevivência o obrigou a afastar-se do mundo artístico, e nos anos de 1960 mudou-se para Sapucaia e ingressou na ECT.

Quando morreu, aos 57, era conselheiro vitalício da SBACEM. Não resistiu a uma cirurgia. Nesse dia, alguns jornais do Rio estamparam a manchete: Carvalhinho morreu! Madureira chorou!, em referência a um de seus sambas.


Obra



Canções de sucesso, principalmente sambas e marchas de carnaval, compostas por Carvalhinho.
  • Acerte o passo (c/ Hélio Costa)
  • Acho-te uma graça (c/ Benedito Lacerda e Haroldo Lobo)
  • Advertência (c/ Risadinha e Humberto de Carvalho)
  • Amanhã será tarde demais (c/ Risadinha)
  • Balacubaco (c/ Paranhos)
  • Bebida e mulher (c/ Romeu Gentil)
  • Cansei de chorar (c/ Risadinha)
  • Casa do sem jeito (c/ Manelão)
  • Casamento do papai (c/ Fernando Martins e Marino Pinto)
  • Catita
  • Cê cê (c/ G. Queiroz e O.Marrins)
  • Cenário de luz (c/ Moreira da Silva)
  • Choro! (c/ Pereira Matos)
  • Coisa louca (c/ Gomes Cardim)
  • Com este calor (c/ Rômulo Paes e Bentinho)
  • Cossaco
  • Culpado foi você (c/ Oswaldinho)
  • Deodoro se queimou (c/ Valdir Machado)
  • Dona Joaninha (c/ Humberto de Carvalho)
  • Dúvida (c/ Mário Rossi)
  • É isso que ela quer (c/ Romeu Gentil)
  • Em cada sonho… um amor (c/ Humberto Carvalho e Afonso Teixeira)
  • Eu não tenho ninguém (c/ Risadinha)
  • Há sinceridade nisso? (c/ Manezinho e Dozinho)
  • Hei de me vingar (c/ Romeu Gentil)
  • Já tenho compromisso (c/ Romeu Gentil)
  • Loló (c/ Humberto de Carvalho)
  • Madalena vai casar (c/ Paquito e Romeu Gentil)
  • Mandinga
  • Maxixando (c/ Geraldo Medeiros)
  • Meu patuá
  • Meu Telefone (c/ Luiz Soberano e Humberto Carvalho)
  • Mister Eco (c/ Manezinho Araújo)
  • Mulher babada (c/ Manezinho Araújo)
  • Não insistas coração (c/ Romeu Gentil)
  • Não posso mais (c/ Pereira Matos)
  • Não vou trabalhar (c/ Mário Rossi e Bucy Moreira)
  • O culpado foi você (c/ Osvaldinho)
  • O periquito da madame (c/ Nestor de Holanda e Afonso Teixeira)
  • O povo será juiz (c/ Romeu Gentil)
  • Os caras feias (c/ Romeu Gentil)
  • Papai…boa vida (c/ Max Bulhões)
  • Papai chegou (c/ Joel de Almeida)
  • Parada do amor (c/ Newton Teixeira)
  • Perdoar nunca mais (c/ Romeu Gentil)
  • Por causa de uma mulher (c/ Romeu Gentil)
  • Prazer em conhecê-la (c/ Romeu Gentil)
  • Quando chega fevereiro (c/ Arnô Canegal e W. Silva)
  • Quem sabe, sabe (c/ Joel de Almeida)
  • Rainha sem rei (c/ Romeu Gentil)
  • Raiou a aurora (c/ Milton de Oliveira)
  • Rebolado brasileiro (c/ Gustavo Carvalho)
  • Recital de amor (c/ Romeu Gentil)
  • Samba de Brasília (c/ Geraldo Medeiros)
  • Saravá
  • Se tocá eu danço (c/ Manezinho e Dozinho)
  • Se você quiser voltar (c/ Romeu Gentil e Goulart)
  • Sertão do Pará (c/ Ismael Neto e Henrique de Almeida)
  • Só vendo (c/ Romeu Gentil)
  • Subúrbio da Central (c/ Mário Rossi)
  • Tio Sam no choro (c/ Geraldo Medeiros)
  • Vai a sua vida (c/ Romeu Gentil)
  • Vai ver que é
  • Veneno (c/ Newton Teixeira)
  • Violinos no baião (c/ Paranhos)
  • Vou me acabar (c/ Romeu Gentil)
 El contenido de este artículo ha sido extraído total o parcialmente de la Wikipedia en portugués bajo licencia Creative Commons.

 










 
PUBLICIDAD
PUBLICIDAD

 

LO + EN CANCIONEROS.COM
PUBLICIDAD

 

HOY DESTACAMOS
Novedad editorial

el 23/11/2020

Cuba: Music and Revolution: Original Album Cover Art of Cuban Music: Record Sleeve Designs of Revolutionary Cuba 1959-90 es un nuevo libro de lujo de tapa dura de gran formato de 250 páginas compilado y editado por Gilles Peterson y Stuart Baker (Soul Jazz Records) que presenta muchos cientos de diseños de portadas de discos cubanos impresionantes y únicos hechos desde la Revolución Cubana liderada por Fidel Castro en 1959.

HOY EN PORTADA
Novedad discográfica

el 22/11/2020

El próximo 19 de diciembre se cumplen 20 años del fallecimiento de un cantautor y poeta singular, el del artista que recuperó para la copla todo su prestigio. Viva Carlos Cano (Sony Music 2020), es el homenaje necesario a un autor único y una reivindicación de todo lo que ha representado e influido en nuestra música y cultura.

PUBLICIDAD

 

 



© 2020 CANCIONEROS.COM